Fique de olho no timing

Em um dos nossos últimos artigos, falamos sobre a importância de organizar um processo competitivo pelo ativo no momento da sua venda. Isto é uma das principais ferramentas para maximizar o valor a ser capturado na transação. Desta vez vamos explorar outro fator importante de ser levado em consideração ao se vender uma empresa –[…]

O negócio já está fechado…só que não!

Dentre as coisas mais interessantes da nossa profissão de advisor em operações de fusões e aquisições os desafios trazidos pelos nossos clientes talvez mereçam destaque. A maioria deles nunca vivenciou uma transação de compra e venda de empresas – o que é natural, já que ninguém vende e compra empresa toda hora! E é justamente[…]

A importância da execução

Cada vez mais empresas de todos os portes e segmentos se preocupam com suas estratégias e procuram dar um caráter mais pragmático às mesmas. Até bem pouco tempo atrás investir num ciclo de planejamento estratégico era um privilégio das grandes empresas, principalmente as multinacionais. Estas últimas traziam modelos pré-formatados de suas matrizes e os adaptavam[…]

Qual o limite da terceirização?

Até onde faz sentido terceirizar a execução de atividades em uma empresa? Este processo deve acontecer exclusivamente em áreas de suporte das organizações ou pode-se avançar em setores mais estratégicos e relacionados ao negócio principal das empresas? Quando se olha para uma organização moderna percebe-se que uma série de atividades já é hoje entregue a[…]